PRIMEIRO ANO DE UM INVESTIDOR

Primeiro ano de um investidor

8 de outubro de 2019

 

Reis

September 06, 2019

Olá investidores,

Primeiro ano!

Pessoal, meu nome é Bryan Reis e em setembro fez um ano que iniciei os investimentos em renda variável e vou compartilhar um pouco do que venho aprendendo com essa pequena experiência.

Acredito que a maioria sentiu algum desconforto ao iniciar os investimentos em renda variável, afinal, é um tipo de investimento que oscila bastante e podemos passar  por alguns momentos que veremos o valor investido se “deteriorar”.

Gráfico de uma empresa na bolsa

 

Por esse motivo, atualmente, muitas pessoas tomaram a atitude de tentar simplificar os diversos conceitos e tranquilizar os novos investidores. Particularmente, vejo como uma atitude muito positiva.

Porém, esse é apenas o primeiro passo: Fazer as pessoas entenderem esse novo universo chamado renda variável! E como qualquer coisa nova que aprendemos, nós não temos total discernimento das suas nuances e seus “perigos”. Pelo motivo exposto anteriormente é que se torna necessário que a pessoa, além de acompanhar os novos “influencers”,  corra atrás de conhecer mais, de estudar mais e não ficar apenas seguindo uma “call” ( essa expressão é popularmente utilizada nos meios do investimento e se refere a uma dica. Ex: “você viu aquela call que a corretora passou? Sei não heim…”)

Porque escrevo isso? Pelo simples motivo que é SEU dinheiro que está em jogo. Você é responsável por onde alocar seu patrimônio de forma que você saiba o que está fazendo e para isso é necessário tem algum conhecimento. Não digo que você precisa ser um expert em todos os tipos, entretanto, é necessário conhecer um pouco deles. Mesmo no caso de fundos de investimento que você delega essa responsabilidade para um terceiro, você precisa entender a tese e o racional do gestor.

Investir é coisa séria e por isso torna-se necessário entender como funciona a dinâmica. E agora falando especificamente em bolsa de valores, você tem que entender que existe duas formas de atuar na bolsa: especulação e investimento. Quando falamos em especulação nós associamos a análise técnica e quando falamos em investimento nós referimos a análise fundamentalista.

Se você não estudar, o mercado vai “ensinar” você…

A análise fundamentalista, a grosso modo, nos ensina a olhar para o negócio da empresa com objetivo de se tornar sócio. Nessa esteira, utilizamos diversas formas de analisar a qualidade do negócio através do entendimento do mesmo, seus produtos/serviços, seus pontos fortes/fracos, diferenciais, a perspectiva do mercado e como a empresa está inserida, entre outros.

Quando falamos em analisar o negócio, é dizer que não vamos apenas ver se o preço no home broker está subindo ou caindo, afinal é renda variável. Da mesma forma que você não compra uma casa olhando só preço( muita vezes é uma das últimas coisas que você vê, já que você olha localização, se tem transporte público perto, se é perigoso…), você não vai se tornar sócio de uma empresa apenas vendo se ela está barata ou cara pelo gráfico.

E aqui entra o ponto principal quando falamos de investir: compre um negócio e não compre um ticker (aquele código que você vê no home broker e que se refere a uma empresa listada). É fácil comprar uma ação, mas não é fácil querer parar para entender o negócio. E aqui muitas pessoas pecam e perdem um bom dinheiro e depois dizem que a bolsa de valores é apenas um cassino.

Abaixo deixo um link sobre um curso e um grupo de WhatsApp bacana para evoluir o seu conhecimento

Curso 500 Pratas Light

https://eduzz.com/curso/ME5M/.html?a=15059579

Grupo Fechado 500 Pratas

https://eduzz.com/curso/N2Jh/.html?a=15059579 

“Se você acha que educação é cara, experimente a ignorância – Derek Bok”

 

Espero que tenham gostado e em breve continuaremos a falar dos temas que envolvem esse incrível mundo chamado investimentos

 

 

 

por Bryan Reis

 

 

 

2 Comments

  1. Rubens disse:

    Muito Bom Bryan.

  2. Anônimo disse:

    Boa Bryan!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.